Semana 35

O fígado do bebê está começando a funcionar e os rins estão totalmente desenvolvidos. Suas unhas estão crescendo e, nas mãos, já alcançaram as pontas dos dedos.

Conforme o bebê desce e “encaixa”, a grávida pode sentir alívio nos pulmões e respirar melhor, ao mesmo tempo que pode sentir sua bexiga ainda mais pressionada, com vontade de ir ao banheiro com mais frequência.

A partir dessa semana, o médico pode solicitar um teste para verificar se a gestante tem a bactéria estreptococo do grupo B (GBS), que pode causar uma infecção no bebê durante o parto. Para evitar complicações, caso o resultado do exame seja positivo, a grávida poderá tomar antibiótico.

O ferro, que é importante durante toda a gestação, ganha ainda mais relevância, já que a maior parte da absorção ocorre nos últimos meses da gravidez. Procure alimentos ricos no nutriente e, se for necessário, o médico pode indicar suplementos.