Semana 18

Os ouvidos do bebê já estão desenvolvidos o bastante para ele escutar as batidas do coração da mãe e os sons produzidos dentro de seu corpo. Em breve, ele conseguirá escutar também sua voz.

Agora estão começando a se formar as impressões digitais, que serão tão importantes em sua vida adulta. O coraçãozinho dele continua rápido, batendo numa velocidade duas vezes maior do que o coração da mãe.

Por falar em coração, a partir desta semana, já é possível realizar um ecocardiograma fetal, exame de ultrassom que avalia as estruturas do coraçãozinho e pode diagnosticar cardiopatias congênitas.

O sistema digestivo já está funcionando: o bebê engole o líquido amniótico, que passará pelo estômago e intestinos até formar o mecônio, o “primeiro cocô”.